Seward (Kenai Fjords) – Alasca – Roteiro de 2 dias

30

No primeiro post da série Road Trip no Alasca, falamos sobre as melhores maneiras de chegar até lá, como se locomover entre as atrações e detalhamos um roteiro incrível que fizemos em julho de 2016 por uma das estradas mais cênicas da região, a Seward Highway.

No post de hoje, falaremos sobre Seward, uma pequena cidade a pouco mais de 2 horas de carro de Anchorage, e que abriga um dos parques nacionais mais emblemáticos do Alasca, o Kenai Fjords.

Seward Alasca

Centro histórico de Seward, Alasca. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

Neste post você irá encontrar:

 

1) Seward

A pequena cidade de Seward, com menos de 3.000 habitantes, está localizada a apenas 127 milhas / 204 km de Anchorage.

Road Trip Alaska Alasca

Igrejinha em Seward, Alasca. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

É possível chegar até ela de trem, com a companhia Alaska Railroad, ou de carro.

Se você vai de carro, o que nós recomendamos, separe 1 dia para fazer esse percurso e vá parando nas atrações da Seward Highway. Descrevemos todo esse trajeto no post de Anchorage a Seward.

A maioria dos turistas que vão a Seward estão em busca das aventuras no Kenai Fjords, que vão desde caminhadas nas geleiras a passeios de caiaque ou de barco para ver baleia.


Clique aqui para alugar seu carro em Anchorage, sem pagar IOF


2) Informações básicas sobre o Kenai Fjords

Exit Trail Kenai Fjords National Park

Glacial Exit no Kenai Fjords National Park. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

Antes de passarmos para o roteiro propriamente dito, é importante que você entenda o funcionamento do Kenai Fjords National Park. Falo isso porque, antes de viajarmos, tivemos um pouco de dificuldade para entendermos como o parque funcionava e para montarmos o roteiro.

Diferentemente de outros parques nacionais americanos, onde você visita a maioria das atrações por conta própria de carro e faz várias paradas para observar as paisagens, no Kenai Fjords você visita apenas uma pequena parte à pé, por meio de caminhadas (de todos os níveis), e outra parte maior por meio de passeios de barco ou de caiaque.

Repare, no mapa do parque Kenai Fjords, que apenas a área com a placa azul onde está escrito “Exit Glacier Nature Center” é destinada à visitação por meio de trilhas. Apesar de pequena, vale super a pena fazer as caminhadas disponíveis, o cenário é lindo e você chega bem perto da geleira.

  • Como visitar o Kenai Fjords National Park?

Para fazer as caminhadas, você precisa se dirigir até o Centro de Visitantes. Lá, pegue o mapa do parque, pergunte sobre as condições das trilhas, sobre a presença de ursos e lembre-se: carregue sempre um spray de urso na cintura. Não deixe de ler o guia Ursos no Alasca: tudo o que você precisa saber, que escrevemos.

Para visitar outras regiões do parque de barco, é necessário contratar um tour, que normalmente oferece também a possibilidade de ver vida selvagem, incluindo baleia, ursos, leões marinho e águias.

Resurrection Bay Seward

Leões marinho no passeio de barco em Seward. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

  • Ingresso para o Kenai Fjords National Park

A boa notícia: a entrada no parque é gratuita!

  • Funcionamento do Kenai Fjords National Park

O parque funciona o ano todo, todos os dias da semana, 24 horas por dia.

O centro de informações funciona diariamente nos meses de verão e fica fechado durante o inverno.

Os melhores meses para visitar o parque são: junho, julho e agosto.

3) Roteiro de 2 dias em Seward

  • 1º Dia: Harding Icefield Trail ou Exit Glacier Trail + Seward Highway

Exit Glaciar Trail Kenai Fjords

Exit Glaciar Trail, Kenai Fjords. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

Para o primeiro dia em Seward, descreveremos duas possíveis sugestões:

1) Se você ama Hike, tem tempo e bom condicionamento físico:

Sugerimos percorrer a trilha Harding Icefield, com 13 km ida e volta e duração estimada de 6 a 8 horas. Nesta trilha há três principais mirantes: Bottom of the Cliffs (3km), Top of the Cliffs (4 km) e o ponto final da trilha (6,5 km). De todos eles, têm-se boas vistas da geleira Exit.

Se este é o seu perfil, consulte o mapa da trilha Harding Icefield Trail com todas todas as paradas.

2) Se você gosta de Hike, mas não tem tanto tempo:

Sugerimos fazer a trilha Exit Glacier e a Seward Highway. Esta é uma boa opção para conhecer as principais atrações da região, em um roteiro otimizado e tranquilo para a maioria das pessoas. Este foi o nosso caso e descreveremos todos os detalhes a seguir:

Como viajamos para o Alasca no verão (julho), os dias duravam muito e em alguns lugares nem mesmo escurecia. Por esse motivo, conseguimos percorrer com calma a Seward Highway, que é a estrada cênica que liga Anchorage e Seward (objeto do 1º post da série Road Trip no Alasca), e fazer a trilha Exit, com 4 km ida e volta, e que chega bem próximo do glaciar.

roteiro alasca

Exit Glaciar Trail, Kenai Fjords. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

A primeira parte da trilha é bem tranquila e você caminha por um terreno plano ao longo de riachos formados pelo degelo. A medida que você avança, começa uma subida, que não é difícil.

O que fazer Alasca

Exit Glaciar Trail, Kenai Fjords. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

A partir daí, você passará por algumas plaquinhas com o registro numérico de vários anos. Você perceberá que essas plaquinhas marcam até onde a geleira ia até aquele ano. Infelizmente, a medida que nos aproximamos do presente ano, o glaciar passa a ocupar um espaço cada vez menor. São os efeitos do aquecimento global e nos dá uma tristeza perceber isso.

Em resumo, as duas trilhas nos mostram o mesmo glaciar. A diferença é que a Harding Icefield, é mais difícil e você chega próximo ao glaciar por cima, enquanto a Exit é mais fácil e você chega por baixo.

roteiro dias Alasca Seward

Exit Glaciar Trail, Kenai Fjords. Foto: RMA / Blog Pegadas na Estrada

Dicas importantes:

Em ambos os casos, é necessário tomar todos os cuidados que descrevemos no nosso “Guia sobre Ursos“, pois essa é uma área conhecida como “bear country“, onde ursos negros são encontrados com bastante frequência.

Como fizemos apenas 1 trilha, não compramos spray contra urso. Alugamos 1 spray na Adventure Sixty North, localizada no endereço: 31872 Herman Leirer Rd, Seward, AK 99664 – esquina com Bronze Ave. Coordenadas 60.150303, -149.423775. Pagamos 5 dólares pelo aluguel e, caso tivéssemos usado o spray, pagaríamos mais 35 dólares. Valeu muito a pena, já que 1 spray é vendido por cerca de 40 dólares e dificilmente o usaríamos.

Por fim, não se esqueça de levar roupas de frio e impermeáveis, botas de trekking, óculos escuro, protetor solar, alguma comida e bastante água. Jamais beba as águas dos riachos, pois podem conter Giárdia, um parasita que causa doenças gastrointestinais.

  • 2º Dia: passeio de barco

Hora de conhecer a geleira a partir do Golfo do Alasca!

barco navegação Alasca

Passeio de barco no Kenai Fjords. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

No 2º dia, fizemos um passeio de barco, com duração de 5 horas (12:00 às 17:00), com a empresa Major Marine.

O tour começa navegando pelas águas calmas da baía Resurrection, passando por glaciares alpinos ao longo das montanhas Chugach e Kenai, chegando até o Glacial Bear, localizado dentro do parque Kenai Fjords.

Resurrection Bay Seward Alaska

Passeio de barco no Kenai Fjords. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

Além das belas paisagens, o passeio é uma ótima oportunidade para ver vida selvagem no Alasca. Vimos baleias, leões marinho, águia, urso, puffins e vários outros pássaros da região.

img_3777-jpg

Costas da baleia no passeio de barco no Kenai Fjords. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

baleia Alasca vida selvagem

Cauda da baleia no passeio de barco no Kenai Fjords. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

leão marinho Alasca Into the wild

Leões marinho no passeio de barco no Kenai Fjords. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

águia Alasca na natureza selvagem

Águia no passeio de barco no Kenai Fjords. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

Dicas:

  • Existem dois grandes estacionamentos próximos ao porto de Seward que cobram $10 por um dia inteiro. Quem faz o passeio pela empresa Major Marine pode solicitar o reembolso desse valor na hora de fazer o check-in.
  • Para estacionar gratuitamente, a dica é procurar na Ballaine Blvd, próximo à 4th street. Existem diversas vagas nessa região a apenas 500 metros do porto.
  • As comidas e bebidas vendidas dentro do barco não tem preços abusivos, são perfeitamente compráveis. Porém, se você preferir, poderá também levar a sua própria bebida e comida, eles são bastante tranquilos quanto a isso.
  • Café e chás são servidos gratuitos e à vontade.
  • O check-in para o barco normalmente é feito com 1 hora de antecedência, evite chegar em cima da hora.

Sugestões de roteiros para o 2º dia:

Como falamos no início do post, os dias são bastantes longos durante o verão. Como o passeio de barco termina por volta das 17:00, você provavelmente terá bastante luz solar para realizar outras atividades ao ar livre. Por isso, sugerimos a seguir duas opções de atividades para você aproveitar ainda mais a sua estadia na cidade de Seward!

  • Se você optou por fazer a trilha Harding Icefield Trail no 1º dia, aproveite a luz solar para fazer a trilha Exit, após o passeio de barco.
  • Se você fez a trilha Exit no 1º dia, como nós fizemos, é hora de dar uma voltinha na cidade. Passeie pela charmosa 4th Street (entre Adams st. e Washington st.), onde você encontrará casas típicas, lojas de souvenir e algumas opções de restaurantes e pubs. Depois, caminhe pela orla da praia e curta o famoso sol da meia noite, que ocorre nas datas próximas ao solstício de verão (21 de junho) ou o “quase sol da meia noite” se você não for exatamente neste período!
Centro histórico Seward Alasca

Centro histórico de Seward, Alasca. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

roteiro alasca

Centro histórico de Seward, Alasca. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

viagem de carro Alasca

Centro histórico de Seward, Alasca. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

sol da meia noite

Tomando cerveja à meia noite na praia de Seward. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

viagem julho verão Alasca

Mais de meia noite em Seward! Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

4) Onde se hospedar em Seward

Seward é uma cidade pequena, mas bem simpática.

Lá você encontrará algumas opções de hospedagem, restaurantes, museus, lojas, pubs e até praia.

Confira a seguir, uma seleção de hotéis com bom custo-benefício e boa localização que preparamos para você.

Gostou do nosso roteiro? Dê um pin na foto abaixo e salve este guia no seu Pinterest.

Guide Kenai Fjords. 2 days in Seward, Alaska. Trails and sailing.

Quer nos ajudar a continuar produzindo esses guias? Reserve os seus hotéis para qualquer destino pela caixa do Booking.com abaixo. Você não paga nenhum centavo a mais por isso, mas o nosso site recebe uma pequena comissão.

No próximo post, um roteiro de 2 dias no Denali National Park, não perca!

*** Você também poderá gostar de ler ***

 

Compartilhar

Sobre o autor

Ela, cheia de imaginação e criatividade. Acredita que o mundo está logo ali. Se vai para o Canadá, por que não dar uma esticadinha até a Rússia, passando pela Islândia e pela Escandinávia? Ele, viajante mais pé no chão, pesquisa todos os detalhes e nunca se mete em furada ou confusão. Juntos, um equilíbrio, e muitas histórias para contar!

30 Comentários

  1. Uau, estou adorando ler os posts sobre o Alasca. Estão recheados de fotos maravilhosas e super detalhados 🙂 Eu fiz esse mini cruzeiro pela Major Marine e foi uma delícia, mesmo com tempo feio e com chuva em boa parte do passeio. Como vocês mencionaram, é um passeio perfeito para quem quer ver uma grande variedade de animais marinhos, vi vários golfinhos e até baleias, e o animalzinho que mais me chamou a atenção foi os fofinhos dos puffins 🙂 Não consegui fazer as trilhas, o que é uma pena

    Abraços

    • Olá, Josiane! Obrigada pelo comentário! Que ótimo que você está gostando, vem muita matéria ainda! Nós também pegamos um tempinho nublado no dia do barco, com certeza com sol teria sido ainda mais bonito. Mas foi bacana, a equipe do passeio fez questão de achar todos os bichinhos prometidos, rs. Com relação às trilhas, vale a pena! Quem sabe em uma próxima viagem? Abraços e até a próxima! Cristina e Renato.

  2. Uma viagem para o Alasca ainda está nos meus sonhos… Um pouco longe, mas quem sabe um dia… Fiquei com mais vontade ainda ao ler seu relato e ver as belas paisagens. Parabéns pelo post, ótimas dicas! Principalmente sobre como conhecer o parque.

    • Olá, Alessandra! Obrigado pelo comentário. O céu da meia noite é realmente incrível e é uma loucura. Não dá vontade de dormir nunca, a vontade é de ficar na rua para sempre. Esse é o perigo do Alasca, rs. No próximo post, vamos mostrar mais fotos do céu da meia noite, mas dessa vez no Denali. Vale a pena conferir! Abraços, Cristina e Renato.

    • Olá, Itamar! Muito obrigado pelo comentário, voltamos fascinados também. Os Estados Unidos são um país gigante, assim como o Brasil. Por isso, as paisagens são as mais diversas possíveis, tem programas para todos os gostos. No próximo post, vamos falar sobre o Denali, o parque mais lindo do Alasca e um dos mais lindos dos EUA. Vale a pena conferir! Abraços, Cristina e Renato.

  3. Sempre quis conhecer o Alaska mas nunca procurei nada sobre, muito legal esse post! Lindo o Kenai Fjords, muito interessante isso de não fazer ele de carro e sim a pé/de barco! As fotos ficaram incríveis <3

  4. Oie!!
    Muita familiaridade nessas fotos!! Lindas! Ficamos 3 dias em Seward e adoramos a cidade!

    No primeiro dia estava chovendo, visitamos o Alaska SeaLife Center (achei bem legal), almoçamos em um dos restaurantes fofos (and caros hahah) na beira do pier e fomos fazer um passeio de DogSled, que adoramos!! No fim do dia o tempo melhorou um pouco e fomos fazer a trilha do Exit Glacier e fazer um reconhecimento da área, pq o plano do dia seguinte era a trilha do Harding Icefield.
    O dia 2 foi inteiro dedicado a Harding Icefield Trail. Era provavelmente a trilha que eu mais queria fazer em todos esses dias pelo Alasca e tivemos MUITA sorte com o tempo… Fez um sol lindo e conseguimos ir até o final! Chegar lá foi um dos top 3 da viagem, com toda certeza. Emocionante mesmo! Demoramos umas 9 horas entre subir, ficar lá um tempão e depois descer… Sem palavras!
    No dia 3 a chuva voltou (o sol só saiu mesmo pra realizar o meu sonho da trilha!! hahah) e a gente tinha o cruzeiro na Kenai Fjords Tour agendado. Esse foi o dia-pesadelo da viagem…
    Choveu muito, o mar tava ABSOLUTAMENTE LOUCO e tudo que fizemos foi chacoalhar por 6 horas dentro do barco… O sonho de ver baleia ficou pro futuro, vimos um pouco de vida selvagem e um glacier, mas o que ficou mesmo foi o medo de não voltar vivo… hahahah

    Tô adorando os posts! Aposto que tá despertando a vontade de muita gente de conhecer o Alasca!!
    🙂

    • Olá, Marcela! Muito obrigado por ter você por aqui novamente! Como o tempo que pegamos muda completamente a nossa experiência em um lugar, não é mesmo? Quando chegamos em Seward, o tempo também estava bem fechado, mas felizmente abriu depois. Uma pena que o seu passeio de barco ficou prejudicado pela chuva, a região é muito linda. Mas que bom que você pegou tempo bom para fazer a trilha do Harding Icefield, deve ter sido incrível. Com relação à baleia, você chegou a ir em juneau? Lá também é bom para isso. Aliás, daqui a pouco já começaremos a escrever o post sobre Juneau, muito trabalho ainda, rs. Abração e até a próxima! Cristina e Renato.

      • Oi Cris!

        Não fomos pra Juneau… Como a nossa viagem foi de motorhome, não deu pra incluir a inside passage dessa vez. Mas Juneau tá nos planos futuros, quem sabe voltar pras Rochosas do Canadá e ir até Juneau de carro? Essa é a ideia pra quando a gente voltar pras Rochosas (pq, né? A vida é muito comprida pra ir pras Rochosas uma vez só!! hahahah)

        Beijo!!

        • Com certeza, Marcela! As rochosas merecem muitas outras visitas! Há tantos lugarzinhos escondidos, tantas trilhas, que é possível voltar sem repetir nada 😉 Também sonhamos com isso! Abraços, Cristina e Renato.

  5. Que incrível!! Estou levantando informações sobre o Alasca e estou na fase cheia de perguntas. Vocês conseguem me ajudar? =)
    – quantos dias ficaram no total?
    – estamos pensando em ir em Outubro; há lugares BBB para compra de roupas de frio frio?
    – Vocês recomendam esse mês?

    Muito obrigada e tô começando a super me convencer a conhecer esse lugar lindo1

    • Olá Vanessa,

      Primeiramente, desculpe-nos a demora em responder. :-/
      Agora, vamos às perguntas 🙂

      1) Ficamos 11 dias, distribuídos da seguinte forma:
      1 dia em Anchorage – Seward
      2 em Seward
      1 entre Seward – Denali
      1 no Denali
      1 entre Denali – Anchorage
      3 em Juneau
      2 em Skagway

      2) Lugares bons e bonitos o Alasca está cheio, mas “barato” lá é difícil, rs. Normalmente, recomendamos comprar as roupas de frio aqui no Brasil mesmo, mas caso você tenha que comprar lá, o único lugar que vimos com preços bons foi no Walmart de Anchorage. Procurando bem, você acha coisas bem legais lá. Dê uma lida no post que escrevemos sobre roupas de frio, lá tem dicas que podem te ajudar neste ponto. Segue o link https://pegadasnaestrada.com.br/como-se-vestir-no-frio-intenso/

      3) Depende muito do objetivo da sua viagem. Nós fomos em julho, quando a média de temperatura é entre 11 e 19 graus e o sol praticamente não se põe. Em outubro, a média de temperatura é entre 1 e 11 graus na primeira semana e entre -7 e 2 graus na última semana. Se você gostar de frio e entre os objetivos da sua viagem estiver assistir a Aurora Boreal em Fairbanks, outubro pode ser um bom mês, principalmente na primeira quinzena. Nesta época, você ainda terá uma quantidade razoável de luz do sol para aproveitar bem o dia, e a noite ainda terá chance de ver a Aurora. Além disso, já será baixa temporada e os preços devem estar mais em conta. Mas, se seu objetivo for visitar o Denali, é bom ter em mente que o sistema de ônibus do parque funciona até setembro e, depois disso, carros são autorizados a dirigir as primeiras 30 milhas da estrada enquanto as condições climáticas permitirem. A estrada fecha totalmente em algum ponto de outubro, dependendo do acúmulo de neve naquele ano.

      Se convença sim, o Alasca é super legal. 🙂
      Se precisar de ajuda é só falar com a gente. 🙂

      Abraço,

      Renato e Cristina
      Blog Pegadas na Estrada

  6. olá, Muito obrigada pelo Post! é dificil achar relatos tão bem descritos para planejar a viagem pro alaska! Eu irei chegar de cruzeiro partindo de vancouver ate seward. Chegando lá, minha ideia era alugar carro e ir rumo ao norte (anchoraga, denali e fairbanks) e voltar de fairbanks pro brasil. Porem ficou muito caro alugar carro em seward e devolver em fairbanks, portanto vou alugar em anchorage e ir de onibus de seward ate anchorage.Você se lembra em qual empresa alugou carro? Nào vou estar de carro em seward. É possivel ir até a trilha exit sem estar de carro em seward?
    muito obrigada mesmo pelo seu post! estou anotando tudo!!!

Deixe um comentário