Escondida entre a Rússia e os principais países da Escandinávia, a Finlândia ainda é pouco explorada pelos turistas brasileiros. Apesar disso, o país é repleto de belezas naturais, com diversas ilhas, lagos, florestas, pântanos e rios. Durante o verão, quando a neve desaparece, o verde das florestas se torna mais intenso e é possível aproveitar as regiões dos lagos para fazer atividades ao ar livre como trekking, rafting e, principalmente, aproveitar para ver o sol da meia-noite. Já no inverno, quando as temperaturas podem chegar a -40 C no norte do país e a luz do dia é praticamente inexistente,…

Compartilhar

Na série Descomplicando a Gastronomia Francesa, traremos um pouco da história gastronômica da França, seus principais ingredientes, dicas e receitas deliciosas. Uma coisa que os franceses realmente sabem fazer é apreciar a boa gastronomia. E não é à toa! Os franceses sabem reconhecer o trabalho, não só dos cozinheiros e dos vinicultores, mas também dos confeiteiros, padeiros, vendedores de peixes, de frutas e de hortaliças nas feiras, mestres queijeiros e de todos os outros envolvidos nesse processo. Diversas regiões formam esse charmoso país e cada região defende o seu território gastronômico com características e técnicas próprias, valorizando sempre o produto…

Compartilhar

Em meio à rota comercial que uniu a Rússia à Escandinávia, a pequena Tallinn, fundada em 1050, aos poucos ganhou o seu espaço na região, desenvolveu-se e chegou a fazer parte da Liga Hanseática, um poderoso grupo mercantil e militar formado pelos países do norte europeu. Para garantir a sua prosperidade, a cidade ergueu enormes muralhas ao seu redor, muralhas estas que podem ser vistas até hoje e dão um charme medieval à capital da Estônia. A Cidade Velha de Tallinn, listada como patrimônio cultural da humanidade pela Unesco, pode ser facilmente visitada em apenas 1 dia. É nessa região…

Compartilhar

Olá! Somos Cristina e Renato, um casal que adora viajar, cozinhar e receber os amigos em volta do fogão! Quando não estamos viajando, estamos planejando a próxima viagem. Quando não estamos planejando a próxima viagem, estamos cozinhando alguma comida de viagem. Sempre que estamos fora, ficamos de olho nos restaurantes típicos, nas feiras, nos mercados, nas comidas de rua e nas pessoas. Adoramos comprar livros da culinária local, até mesmo quando estão escritos em russo, rs! A nossa ideia é conhecer novos ingredientes, costumes e receitas e compartilhar, na volta, com os nossos amigos e familiares.  Experimentar é o nosso lema!…

Compartilhar

No nosso segundo dia em Oslo, aproveitamos o bom tempo para explorar Bygdøy, uma península localizada na região oeste da cidade, com diversos museus, parques, bosques e até uma praia de nudismo. Para chegar até lá, pegamos o ônibus da linha 30, incluído no Oslo Pass, que parte a cada 10 minutos da estação central de Oslo. De abril ao início de outubro, a região também pode ser acessada por barcos públicos, que saem a cada 30 minutos de Aker Brygge. Atrações visitadas no dia: 1) Museu Kon-Tiki O nosso primeiro destino na península foi o Museu Kon-Tiki, onde estão…

Compartilhar

Em outubro de 2015, fizemos uma Road Trip de 7 dias pela Islândia, onde dirigimos quase 1500 km de norte a sul, por entre montanhas nevadas, fiordes, canyons, lagos, vulcões, praias de areia preta e muitas cachoeiras. Em cada parada que fizemos ao longo da estrada ou em típicas cidades islandesas, procuramos entender a gastronomia e a cultura local, para que pudéssemos reproduzir aqui no blog! Entre peixes, carneiro, baleia, puffin (papagaio do mar), tubarão, rena …, sem dúvida o que mais representou a culinária na Islândia foi o famoso e tradicional “Cachorro-quente”, em islandês pylsur.  Além de barato, o…

Compartilhar

Fundada em 1048, Oslo é uma cidade moderna, cercada por natureza e formada por várias ilhas. Apesar de não ser tão charmosa como o interior da Noruega ou como outras capitais escandinavas, tais como Estocolmo e Copenhague, Oslo tem boas opções de museus e parques e merece uma visita. A partir de Bergen, fizemos uma viagem de trem até Oslo, de aproximadamente 7 horas, que foi bem confortável e com belas paisagens. Chegamos na cidade, por volta das 14:45, pela estação Oslo Sentralstasjon. Lá mesmo, no visitor center, compramos o Oslo Pass para 48 horas. Ao contrário do que falamos…

Compartilhar

Quem se amarra em viajar está sempre planejando a próxima viagem. Uma das coisas que mais nos inspiram e nos dão ideias de novos destinos são aquelas listinhas de Top “alguma coisa”. O Tripadvisor é mestre nisso e já nos ajudou bastante. Como também gostamos de ajudar a inspirar, criamos as nossas próprias listinhas, sempre baseadas em nossas experiências. No último “Top” que escrevemos, falamos sobre as 10 praias mais bonitas que já visitamos. A interação com o leitor foi bem legal e recebemos sugestões de praias lindas que nunca tínhamos ouvido falar. No post de hoje, falaremos sobre os…

Compartilhar
1 23 24 25 26 27 30