Tudo o que você precisa saber sobre Marrakech: roteiro, dicas e pontos de interesse

14

Capital cultural e artística do Marrocos, Marraquexe ou Marrakech atrai viajantes do mundo todo, com suas ruas cheias de vida, seus palácios luxuosos, sua medina, seus mercados e suas muralhas.

Palácio Bahia Marrakech Marrocos

Palácio Bahia em Marrakech. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

Ao final do dia, a famosa Praça Jemaa El Fna se transforma, permitindo novas surpresas e descobertas.

Nos posts passados, falamos sobre as principais informações que você precisa saber antes de viajar para o Marrocos e como é dirigir pelas estradas marroquinas. Se você ainda não leu esses posts, recomendamos lê-los para ter uma noção geral sobre o país e saber o que mais visitar além da famosa Marrakech.

Ao todo, viajamos 12 dias pelo Marrocos e pudemos conhecer, além de Marrakech, outras cidades imperiais, medinas, deserto, palmeirais, cidades pequenas, praias, ruínas romanas, cânions, estradas cênicas e uma infinidade de lugares que nos mostraram por que o Marrocos é um país tão diferente e especial.

No post de hoje, traremos informações úteis sobre Marrakech, o que visitar, onde se hospedar e como se locomover.

Se ainda restar alguma dúvida, fique à vontade para deixá-la nos comentários. Será um prazer ajudá-lo a desbravar o Marrocos também!

1) Quanto tempo ficar em Marrakech

Marrakech é uma cidade que não pode faltar em nenhum roteiro pelo Marrocos. Apesar disso, 1 ou 2 dias são suficientes para conhecer os principais pontos de interesse da cidade.

A partir de Marrakech, é possível ainda visitar vários outros destinos na região, como Essaouira, Alto Atlas e Aït-Ben-Haddou, ou mesmo partir para uma viagem inesquecível e única pelo deserto do Saara.

E, se você tiver mais tempo (10 a 15 dias), recomendamos se jogar no Marrocos! O país é lindo e há muitos lugares escondidos para conhecer.

Viagem deserto Saara Marrocos

Viagem ao deserto do Saara, Marrocos. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

2) Um panorama sobre Marrakech

Fundada em 1062, pela dinastia Almorávides, a cidade de Marrakech se desenvolveu a partir da construção de uma série de canais, que levou, para a medina, a água que nascia na região das montanhas do Alto Atlas. Com água abundante, Marrakech atraiu pessoas e riquezas de outras partes da África e também do Oriente Médio.

Parte dessas riquezas ainda pode ser vista principalmente nos bairros da Medina, Mellah e Kasbah, onde estão as principais atrações da cidade.

Diferentemente das medinas de Asilah ou Chefchaouen, que são pequenas e fáceis de percorrer por conta própria, a medina de Marrakech é bem maior, sendo difícil se orientar, mesmo com o auxílio de um GPS. A contratação de um guia local, nesse caso, pode ser interessante.

3) Roteiro em Marrakech

Conhecemos a cidade de Marrakech em 1 dia. Para você que tem 2 dias disponíveis, acrescentamos ao final algumas atrações que não tivemos tempo de visitar.

3.1) Roteiro de 1 dia em Marrakech

  • Porta Bab Agnou (entrada da Medina)

A medina de Marrakech é organizada por corporações de artesãos, que exibem separadamente artigos de couro, cerâmica, tecidos, metais, entre outros. O interessante é que cada corporação possui a sua própria mesquita. Infelizmente, nós turistas só podemos ver essas mesquitas pelo lado de fora, que muita vezes não refletem a delicadeza do que há por dentro.

Medina Marrakech Marrocos

Medina em Marrakech, Marrocos. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

A principal porta de entrada para a medina é a Porta Bab Agnou e, foi aqui, onde começamos o nosso passeio privado com um guia local que fala português.

  • Túmulos Saadianos

Nesses túmulos ricamente decorados dos séculos XIV a XVI, estão os restos mortais dos principais membros da Dinastia Saadiana.

Túmulos Saadianos Marrakech Marrocos

Túmulos Saadianos, Maarrakech. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

o que fazer em Marrakech Marrocos

Túmulos Saadianos, Maarrakech. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

  • Palácio Bahia

Uma das atrações mais legais de Marrakech, o Palácio Bahia foi construído no século XIX, a pedido de Bou Ahmed Ben Moussa, que dedicou a enorme construção à sua esposa favorita. Siiiiim, além de 4 esposas, Bou Ahmed Ben Moussa ainda abrigava no palácio 24 concubinas e dezenas de filhos. Doido, rs.

O projeto arquitetônico do palácio é fantástico e as paredes são ricamente decoradas. Não deixe de visitar esta atração!

Palácio Bahia Marrakech Marrocos

Palácio Bahia, Marrakech. Foto: RMA / Blog Pegadas na Estrada

  • Mesquita Moulay El Yazid

Infelizmente não podemos entrar nesta mesquita, mas vale a pena conhecê-la por fora!

Mesquita Moulay El Yazid

Mesquita Moulay El Yazid, Marrakech. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

  • Madrassa Ben Youssef

Outra construção da Dinastia Saadiana, a Madrassa Ben Youssef é uma antiga universidade de religião islâmica, onde viviam cerca de 800 estudantes ao mesmo tempo.

Madrassa Ben Yossef Marrakech

Madrassa Ben Yossef, Marrakech. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

A sua arquitetura combina mármore, madeira e cerâmica, transformando-se em uma verdadeira jóia marroquina.

O que fazer em Maarrakech

Madrassa Ben Yossef, Marrakech. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

Pontos de interesse Marraquexe

Madrassa Ben Yossef, Marrakech. Foto: RMA / Blog Pegadas na Estrada

  • Praça Jemaa El Fna

Considerada Patrimônio Oral e Imaterial da Humanidade pela Unesco, a Praça Jemaa El Fna é o coração da cidade e é onde tudo acontece.

souk Marrakech

Venda de temperos na medina de Marrakech. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada.

Vale a pena visitá-la durante o dia e durante à noite, para ver como ela se transforma.

Importante: se você não suporta o assédio de vendedores o tempo todo, evite passar no meio da praça. Caminhe pelas beiradas e você verá que é muito mais tranquilo. Outra dica é evitar passar perto do setor de animais para não correr o risco de ter uma cobra ou outro animal atirado em cima de você.

Nesta praça há vários restaurantes com terraços para curtir à noite e ter boas vistas da cidade.

  • Mesquita de Koutoubia

Construída ao longo de 40 anos, entre 1150 e 1190, a Mesquita de Koutoubia é considerada uma das obras mais importantes do Marrocos e serviu de inspiração para duas outras grandes obras: Giralda em Sevilha e a Torre Hassan em Rabat.

Se você conhece mesquitas de outros países, como as da Turquia por exemplo, verá que a arquitetura de Koutoubia é completamente diferente de todas elas. Koutoubia é realmente uma obra típica marroquina!

Infelizmente não podemos entrar em seu interior.

  • Jardin Majorelle

Outra atração super famosa e imperdível em Marrakech!

Localizado fora da Medina, o Jardin Majorelle é um grande jardim construído em estilo Art Deco, combinando uma natureza exótica com obras em tons de azul.

Jardin Majorelle Marrakech

Jardin Majorelle, Marrakech. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

O jardim, uma das atrações mais visitadas de todo o Marrocos, foi criado pelo artista francês Jacques Majorelle, para ser um oásis azul no coração da cidade cor-de-rosa. Lá você encontrará plantas diversas, trazidas do mundo inteiro (inclusive do Brasil).

Após a morte de Jacques Majorelle, o jardim passou muito anos abandonado até ser redescoberto por Yves Saint-Laurent na década de 1980. O famoso estilista francês, então, comprou e restaurou a propriedade, que lhe serviu de residência no Marrocos até a sua morte, em 2008.

roteiro Marrakech Marrocos

Jardin Majorelle, Marrakech. Foto: RMA / Blog Pegadas na Estrada

Atualmente o jardim é administrado pela Fundação Pierre Bergé-Yves Saint Laurent e abriga também um museu que conta a história dos povos berberes. O ingresso para o museu deve ser pago a parte.

atrações Maarrakech

Jardin Majorelle, Marrakech. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

3.2) Outras atrações em Marrakech que não visitamos

  • Jardins de Menara
  • Jardins de Agdal
  • Museu Dar Si Said (próximo ao Palácio Bahia)

4) Onde se  hospedar em Marrakech

Em Marrakech, o ideal é se hospedar próximo à medina e à Praça Jemaa El Fna, para que você possa conhecer o máximo de atrações a pé e para que possa curtir a região da praça no período da noite.

Ficamos hospedados no Riad Challa, um hotel típico marroquino, construído no estilo Riad, super bem localizados e com um custo-benefício excelente (entre 60 e 70 dólares o quarto duplo). Valores de dezembro de 2017.

O hotel possui uma piscina charmosíssima no pátio interior, um terraço com vista, recepção 24 horas e avaliação “fabulosa” no Booking.com.

hotel Marrakech

Piscina do Riad Challa em Marrakech. Foto: RMA/ Blog Pegadas na Estrada

O mais interessante é que, como o hotel está localizado na região da medina, você caminhará por uma ruela estreita e simples e verá apenas uma portinha de entrada do hotel. Nesse momento, você irá pensar: o que que eu estou fazendo aqui? Não se intimide. Assim que você entrar, você verá a grandiosidade do que chamamos de Riad! Super recomendamos!

Se você busca mais luxo e quer ser tratado como um sultão, a nossa dica é o hotel Les Jardins De La Koutoubia, que está localizado ao lado da Mesquita de Koutoubia e pertíssimo da Praça Jamaâ El Fna. Confesso: babei!

5) Quais cuidados devo tomar em Marrakech

Em todo o Marrocos, os crimes a mão armada são praticamente inexistentes.

Casos de furto por bate-carteiras, por sua vez, são descritos na internet, principalmente nas grandes cidades e nas áreas mais cheias, como dentro das medinas. Apesar disso, não vimos nenhum incidente durante os 12 dias que estivemos no país.

Apesar disso, não recomendamos que você ande sozinho durante à noite em ruas vazias, principalmente se você for  mulher.

Tomando esses cuidados, o Marrocos se torna um lugar muito seguro e prazeroso de viajar.

Outro ponto a ser observado é a insistência de alguns vendedores, principalmente nos souks de Marrakech. Enquanto uns irão encarar a arte de negociar como uma diversão, outros irão se irritar com tamanha insistência.

Leia mais sobre segurança no Marrocos no item 1 do post “Marrocos: tudo o que você precisa saber para uma viagem de sucesso!“.

6) Agência de turismo em Marrakech

Como falamos, para quem não está acostumado, orientar-se dentro da medina pode ser um pouco complicado. Nesses casos, contratar um guia local pode ser interessante.

Fizemos todo o nosso passeio com a agência  Excursão no Marrocos, que estava super bem avaliada no Tripadvisor, e com um preço muito bom.

A nossa viagem foi totalmente privada, em um carro 4×4, e incluiu todos os deslocamentos, roteiro personalizado por todo o Marrocos, motorista e guia em português, hospedagens, passeio no deserto e algumas refeições.

Para fazer um orçamento você também, envie um e-mail para excursaonomarrocos.vendas@gmail.com .

agência de turismo Marrocos

Carro da empresa Excursão no Marrocos. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

Gostou deste post? Reserve os seus hotéis em qualquer destino pela caixa do Booking.com abaixo. Você não gasta nada a mais por isso, mas o nosso site recebe uma pequena comissão, que nos ajuda a escrever estes guias gratuitos de viagem.



Booking.com

Quer saber outras formas de apoiar o projeto Pegadas na Estrada sem gastar nenhum centavo?

Clique aqui e saiba como. É rápido, fácil e nos ajuda bastante. Até a próxima 🙂

Outros posts que você poderá gostar

Pensando em conhecer Marrakech? Dê um pin na foto abaixo e salve este conteúdo no seu Pinterest para consultá-lo depois.

Tudo sobre Marrakech: roteiro, onde se hospedar, dicas de segurança, quanto tempo ficar e muitas outras informações úteis.

Atualmente a empresa Excursão no Marrocos é parceira do Blog Pegadas na Estrada. Todos os relatos descritos neste post, no entanto, foram baseados em nossas experiências reais e refletem a nossa opinião.

Compartilhar

Sobre o autor

Ela, cheia de imaginação e criatividade. Acredita que o mundo está logo ali. Se vai para o Canadá, por que não dar uma esticadinha até a Rússia, passando pela Islândia e pela Escandinávia? Ele, viajante mais pé no chão, pesquisa todos os detalhes e nunca se mete em furada ou confusão. Juntos, um equilíbrio, e muitas histórias para contar!

14 Comentários

    • Olá, Rozembergue!

      É possível entrar apenas em algumas mesquitas no Marrocos, como na Hassan II de Casablanca, que é lindíssima e vale muito a pena.
      Tenho certeza que você vai amar a viagem. O Marrocos é realmente um país incrível.
      Qualquer outra dúvida, estamos aqui!
      Abraços
      Cristina e Renato.

  1. Nossa, que lugares incríveis. E que legal o jardim que foi recuperado pelo Yves Saint-Laurent, deve ser um espaço incrível. Fiquei bastante curioso para conhecer.

  2. Deve ter sido uma viagem inesquecível, né?!

    Sempre me impressiono com as fotos e as histórias deste país!
    Adorei descobrir que com mais ou menos duas semana dá pra conhecer bastante coisa!

    Ótimas dicas!

    Abraço

    • Olá, Eloah!

      É muito bom ouvir isso! A nossa viagem ao Marrocos foi realmente uma surpresa. Poder compartilhá-la com os nossos leitores é muito gratificante para nós.

      Obrigada pelo comentário.

      Abraços

      Cristina

  3. Que trip encantadora.. a cada tópico que lia me encantava ainda mais.. mas o que mais me chamou atenção foram os túmulos, que grandiosidade né? E esse hotel, que coisa linda!! Me apaixonei de verdade e até salvei o Pin para nunca perder esse post. Parabéns!!!

    • Olá, Aline!

      Que bom que você gostou! As construções saadianas são realmente incríveis!
      Marrakech é uma cidade muito bonita e rica em história, vale muito a pena conhecê-la.
      Obrigada pelo comentário.
      Abraços

      Cristina

  4. Olá, Cristina!

    Que post fantástico!
    Tivemos as mesmas dúvidas que vocês durante o planejamento da viagem quanto à segurança, transporte, aluguel de carro, conservação das estradas, … .
    Após muitas pesquisas, também achamos que o custo de se fazer tudo por conta própria ou contratar uma agência ficava muito parecido.
    Então fizemos a viagem com a Excursão no Marrocos e agradecemos muito as suas dicas. Foi uma experiência única, com bom custo-benefício e que não nos deu trabalho nenhum. Foi só entrar no 4×4 e curtir! Como vocês mesmo dizem, como um sultão!
    Valeu!

    • Olá, Carmen!

      Que ótimo ouvir isso!
      Também amamos a viagem com a empresa Excursão no Marrocos e ficamos felizes de saber que as nossas dicas ajudaram outros viajantes também.
      Que você continue fazendo viagens maravilhosas por esse mundo afora.

      Abraços

      Cristina

Deixe um comentário