O que fazer em Aït-Ben-Haddou e Ouarzazate: o coração do cinema marroquino

8

Localizados nas redondezas de Marrakech, os vilarejos de Aït-Ben-Haddou e Ouarzazate abrigam as famosas Kasbahs ou Casbás, que são casas fortificadas típicas do Marrocos, construídas de argila, estrume e palha.

Aït-Ben-Haddou e Ouarzazate Marrocos

Kasbahs em Aït-Ben-Haddou. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

Com uma arquitetura totalmente diferente de tudo o que já vimos, essas famosas cidades da Rota das 1000 Kasbahs foram cenários de importantes filmes internacionais como “O Gladiador”, a “Múmia” e “Babel”, além da série “Game of Thrones” e da novela brasileira “O Clone”.

Atualmente, é possível visitar alguns estúdios de gravação na região e conhecer um pouco mais do cinema marroquino, que já é o segundo maior da África e um dos que mais cresce no mundo.

Ouazazate cinema Marrocos

Ouarzazate, a Hollywood Marroquina. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

A nossa visita a Aït-Ben-Haddou e Ouarzazate fez parte de um roteiro de 12 dias de carro pelo Marrocos. Se você está chegando ao blog agora, vale a pena ler também o post que escrevemos “Tudo o que você precisa saber para uma viagem de sucesso ao Marrocos“.

Se ainda ficar alguma dúvida, fique à vontade para deixá-la nos comentários. Será um prazer ajudá-lo ao desbravar as belezas do Marrocos também!

1) Como chegar a Aït-Ben-Haddou e Ouarzazate

  • Se você tem apenas 1 dia:

Aït-Ben-Haddou está localizada a 185 km de Marrakech e Ouarzazate a 30 km de Aït-Ben-Haddou. Por isso, é possível conhecer a região também em um bate-volta a partir de Marrakech. No entanto, saiba que esta é uma viagem bastante longa e que o seu dia será bastante cheio.

  • Se você tem 2 ou 3 dias:

Uma opção mais interessante é visitar Aït-Ben-Haddou e Ouarzazate em um passeio de 3 dias de Marrakech ao Deserto do Saara (Erg Chebbi), com retorno para Marrakech, ou de 2 dias de Marrakech ao Deserto de Zagora. Essas são boas opções se você tem mais de 1 dia no país, mas não dispõe de tantos dias.

  • Se você tem mais dias:

Para quem tem mais tempo e deseja conhecer cada cantinho do Marrocos, recomendamos incluir essas cidades em um roteiro circular de 10 ou mais dias, como nós fizemos e como explicaremos no item 3.

2) O que fazer em Aït-Ben-Haddou e Ouarzazate

2.1) Skoura (no caminho de Dades para Aït-Ben-Haddou)

Acordamos em Dades e, antes de visitarmos a cidade de Aït-Ben-Haddou, conhecemos Skoura, uma região localizada em meio a um oásis, com cerca de 138.000 palmeiras.

Além da linda vegetação, Skoura possui inúmeras Kasbahs, muitas delas destinadas ao turismo.

Kasbah de Amredhyle Skoura Marrocos

Kasbah de Amredhyle, Skoura. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

Visitamos a Kasbah de Amredhyle, uma das mais importantes da “Rota das Mil Kasbahs“, e que foi construída no século XVII.

Kasbah de Amredhyle Skoura Marrocos

Visita à Kasbah de Amredhyle. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

É possível conhecê-la por conta própria ou com um guia, que pode ser contratado na própria Kasbah.

De maneira geral, as entradas no Marrocos são bem baratinhas. O ticket para a Kasbah de Amredhyle custou 20 Dirham por pessoa (aproximadamente 2 euros). O valor do guia, independente do número de pessoas, foi 50 Dirham (aproximadamente 5 euros).

Em resumo, valeu muuuuuito a pena ter contratado o guia, que nos demonstrou como as famílias marroquinas mais abonadas viviam no país durante o século XVII e nos explicou o funcionamento das Kasbahs.

O serviço de guia está disponível em espanhol, inglês, francês e italiano.

Esta é uma atração super interessante e que não pode faltar em nenhum roteiro pela região!

roteiro no Marrocos viagem turismo

Visita à Kasbah de Amredhyle. Foto: RMA / Blog Pegadas na Estrada

2.2) Aït-Ben-Haddou

Aït-Ben-Haddou é uma cidade fortificada considerada patrimônio mundial pela Unesco, formada por várias Kasbahs, localizada no alto de uma colina. A cidade é rodeada pelo rio Ounila, sendo necessário atravessar uma ponte para chegar até o vilarejo.

O que fazer Aït-Ben-Haddou e Ouarzazate

Atravessando a ponte de Aït-Ben-Haddou. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

Aït-Ben-Haddou já foi cenário de vários filmes e séries como Ali Baba e os Quarenta Ladrões, A Bíblia,  Cleópatra, A Múmia, Gladiador, Alexandre e Game of Thrones.

Para quem curte novelas, vale lembrar que “O Clone“, produzida entre 2001 e 2002 pela Rede Globo, também teve cenas gravadas em Aït-Ben-Haddou, assim como no mercado de Marrakech, na cisterna da cidade portuguesa de El Jadida e na antiga medina de Fez. Todas essas atrações são hoje patrimônios da humanidade no Marrocos e merecem uma visita!

Para ler um pouco mais sobre a novela “O Clone” no Marrocos, clique aqui!

  • Visita a Aït-Ben-Haddou

Não é necessário pagar entrada para visitar a Kasbah de Aït-Ben-Haddou, já que esta é a própria cidade. Para quem quer aprofundar mais na sua história, é possível contratar um dos guias locais, que ficam na porta da cidade (em frente aos restaurantes na estrada).

Basicamente, você subirá toda a cidade por uma ruela e chegará ao topo, de onde terá uma vista 360 graus da região.

Roteiro Aït-Ben-Haddou e Ouarzazate

Topo de Aït-Ben-Haddou. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada



pontos de interesse Aït-Ben-Haddou e Ouarzazate

Vista do topo de Aït-Ben-Haddou, Marrocos. Foto: RMA / Blog Pegadas na Estrada

Ao longo do caminho, você verá as casas de barros, lojinhas e vários artesãos.

Está gostando deste roteiro? Clique aqui e siga nossas dicas também no Instagram @pegadasnaestrada

2.3) Ouarzazate

Carinhosamente chamada de a “Hollywood Marroquina“, Ouarzazate possui dois grandes estúdios de cinema (Cinema Atlas e CLA) que podem ser visitados e atrai cada vez mais as grandes produções americanas.

Estúdio de cinema Ouarzazate

Estúdio de cinema CLA, Ouarzazate. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

cinema no marrocos

Estúdio de Cinema Atlas, Ouarzazate. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

O grande sucesso de Ouarzazate se deve ao baixo custo do local, ao sol que brilha cerca de 300 dias por ano, à segurança do país, à boa vontade e à animação do povo marroquino e ao fato de ser um dos cenários áridos mais exóticos e lindos do mundo.

Estúdio de Cinema Atlas Ouarzazate

Estúdio de Cinema Atlas visto de longe. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

Além dos estúdios, a cidade ainda oferece ao turista a possibilidade de visitar o Museu do Cinema e a Kasbah de Taourirt.

O museu, inaugurado em 2007, foi uma iniciativa para preservar a memória cinematográfica de Ouarzazate e para promover o turismo na cidade. O museu está aberto todos os dias das 08:00 às 18:00 e custou 30 Dirham (aproximadamente 3 euros) por pessoa quando fomos.

Museu do cinema Ouarzazate

Museu do cinema, Ouarzazate. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

atrações Aït-Ben-Haddou e Ouarzazate

Museu do cinema em Ouarzazate. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

Museu do cinema em Ouarzazate

Museu do cinema em Ouarzazate. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

Kasbah de Taourirt, por sua vez, é um antigo palácio-fortaleza, datado de meados do século XVIII. Infelizmente não tivemos tempo de visitar o seu interior.

O que fazer no Marrocos Kasbah de Taourirt

Kasbah de Taourirt, Ouarzazate. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

Para quem tem mais tempo, há ainda na região o oásis de Fint, que fica a cerca de 14 km do centro da cidade e parece ser bem interessante.

  • Estrada cênica no caminho para Marrakech

Após a nossa visita à Ouarzazate, seguimos viagem em direção à Marrakech, através da  National Route 9,  uma estrada super cênica, que cruza as belíssimas montanhas do Alto Atlas. O ponto mais alto dessa estrada é o Tizi n’Tichka, que chega a  2.260 metros de altura. De novembro a março, é comum ver muita neve por aqui!!! 

 Tizi n'Tichka estrada cênica Marrocos

Tizi n’Tichka a 2.260 metros de altura. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

Estrada cênica nas montanhas do Alto Atlas Marrocos

Estrada cênica nas montanhas do Alto Atlas. Foto: CFR / Blog Pegadas na Estrada

3) Aït-Ben-Haddou e Ouarzazate em nosso roteiro

A nossa visita a Aït-Ben-Haddou e Ouarzazate fez parte de um roteiro de 12 dias pelo Marrocos, com início e término em Casablanca, e ocorreu no 8º dia, conforme mostramos a seguir:

ROTEIRO DE 12 DIAS NO MARROCOS:

 

4) Agência de turismo para brasileiros no Marrocos

O nosso roteiro ao Marrocos foi desenvolvido em conjunto com a agência de viagem “Excursão no Marrocos“, que conta com atendimento 100% em português pelo e-mail excursaonomarrocos.vendas@gmail.com .

Fizemos orçamento com diversas empresas no Marrocos e fechamos com esta, pois foi a agência que ofereceu o melhor custo-benefício, com hotéis de qualidade e que estava com avaliação máxima no TripAdvisor.

O nosso guia Hamid, que é de origem bereber (os povos do deserto), fez o possível e o impossível para tornar a nossa experiência ainda mais incrível e nos propiciou momentos que só mesmo um “menino do deserto” poderia nos propiciar. Nós o agradecemos muito por isso!

Os tours são totalmente privados e montados de acordo com a demanda de cada cliente. Nós amamos e recomendamos!

5) Onde se hospedar neste dia?

5.1) Marrakech

Como falamos, terminamos o dia em Marrakech.

A grande sacada nesta cidade é ficar hospedado próximo à praça Praça Jemaa El Fna. Assim, você poderá conhecer quase todas as atrações à pé, além de curtir o clima alucinado da praça no período da noite.

Ficamos hospedados no Riad Challa, um hotel típico marroquino, com uma piscina lindíssima no pátio interior. Esse hotel fez parte do pacote standard que contratamos com a empresa Excursão no Marrocos.

Hotel Marrakech

Hospedagem no roteiro por Aït-Ben-Haddou e Ouarzazate. Foto: RMA / Blog Pegadas na Estrada

O mais legal de se hospedar em um Riad é que, quando você chega na porta, não faz ideia do que o espera por dentro. Para evitar mal olhado, os ricos marroquinos construíam as suas casas (antigos Riads) com uma faixada pequena e bastante simplória. Por dentro, um verdadeiro palacete!

Para quem quer mais luxo, recomendamos o hotel Les Jardins De La Koutoubia, que está localizado ao lado da Mesquita de Koutoubia, pertíssimo da Praça Jamaâ El Fna, e oferece uma estadia digna de um sultão!

5.2) Ouarzazate

Se você tem mais tempo e pretende explorar com mais calma a região de Ouarzazate e seus oásis, a cidade também oferece boas opções de hospedagem. A seguir, alguns hotéis bem avaliados e para todos os bolsos:

Gostou deste post?

Reserve os seus hotéis em qualquer destino pela caixa do Booking.com abaixo. Você não gasta nada a mais por isso, mas o nosso site recebe uma pequena comissão, que nos ajuda a escrever estes guias gratuitos de viagem.



Booking.com

Ficou com alguma dúvida?

Deixa-a nos comentários. Será um prazer ajudá-lo!

Quer saber outras formas de apoiar o projeto Pegadas na Estrada sem gastar nenhum centavo?

Clique aqui e saiba como. É rápido, fácil e nos ajuda bastante. Até a próxima 🙂

Outros posts sobre o Marrocos que você poderá gostar

Pensando em conhecer Aït-Ben-Haddou e Ouarzazate ? Dê um pin na foto abaixo e salve este conteúdo no seu Pinterest para consultá-lo depois.

Confira um roteiro completo por Aït-Ben-Haddou e Ouarzazate, as cidades típicas do Marrocos que são cenários para uma série de filmes gravados no país. Também conhecida como a Hollywood do Marrocos, Ouarzazate abriga diversos estúdios de cinemas e kasbahs super bem preservadas.

Atualmente a empresa Excursão no Marrocos é parceira do Blog Pegadas na Estrada. Todos os relatos descritos neste post, no entanto, foram baseados em nossas experiências reais e refletem a nossa opinião.

Compartilhar

Sobre o autor

Ela, cheia de imaginação e criatividade. Acredita que o mundo está logo ali. Se vai para o Canadá, por que não dar uma esticadinha até a Rússia, passando pela Islândia e pela Escandinávia? Ele, viajante mais pé no chão, pesquisa todos os detalhes e nunca se mete em furada ou confusão. Juntos, um equilíbrio, e muitas histórias para contar!

8 Comentários

    • kkkk, você pega rápido! Tem outros lugares com nomes mais difíceis ainda, rs.

      O legal do Marrocos é que para cada canto que você vai, você vê um cenário totalmente diferente.

      São vários países dentro de um só. Super recomendo explorar o interior!

      Boas viagens para você.
      Abraços
      Cristina

  1. Eu sou dooooida pra conhecer o Marrocos e toda vez que vejo post de lá essa minha vontade só aumenta. Gostei bastante do post, de saber desses lugares e que tb dá pra visitar os estudios. Com certeza quando eu finalmente for pra lá vou voltar aqui pra reler e lembrar de todas essas dicas 🙂

  2. Como apaixonada por cinema fiquei suspirando por esses cenários e lembrando de algumas produções e até da novela O Clone, é uma paisagem tão exótica, linda e peculiar além de super fotogênica, alias lindas fotos. O roteiro tá maravilhoso, se a vontade de conhecer Marrocos já era grande, só aumentou.

Deixe um comentário